Marcadores

Seguidores

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Sapateado


SAPATEADO

Meu coração
Bate num revirado.
Me deixa mestiça,
Quebradiça de todo lado.

Escancarado...
Tem mania de sobressaltos
Acelera meu peito
Dispara no ato.

Conta-me um fato
Encena-me mulher:
Equilibrista
Trapezista
Romancista
Do teu arranha-céu.

E sapateia ritmado
Insistente, oxigenado,
Até que eu o faça apascentado
Com tua respiração ao meu lado.

Vilma Orzari Piva
Direitos Autorais Reservados ®

3 comentários:

  1. Magnífica essa poesia, encanta a alma de quem a ler, abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida, pela visita e companhia aos meus versos!! Bjs

      Excluir
  2. Olá amiga, navegando cheguei ao seu blog e amei suas postagens, amo poesia. Já estou seguindo e te convido a conhecer os meus, se gostar siga, ficarei grata. Abraços, uma abençoada tarde de Domingo,
    http://filosofandonavidaproflourdes.blogspot.com.br/
    http://professoralourdesduarte.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo carinho da sua leitura!
Deixe seu comentário, ele é muito importante!