Marcadores

Seguidores

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Horas de Amor


HORAS DE AMOR

Das horas que passei à sombra dos ponteiros
Aguardando novos tempos para ser feliz,
Bebi em tua boca o sorriso companheiro
Saboreando horas em teu paladar motriz.

Abracei-me aos ponteiros do nosso amor,
Nas noites acalentadas em mil doçuras
Em cortejos de afagos e de esplendor
Vislumbrei momentos de mel e branduras.

Esse novo tempo chegou para ser aferido
Com todo nosso amor a qualquer hora,
Desde aurora ao crepúsculo de um bramido

Marcado em cada segundo, hoje, no agora
Provando nossos beijos jamais esquecidos
No perfume dos nossos corpos sem demora.

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Sais das Fontes


SAIS DAS FONTES

Nossos corpos abarcados da ilusão
Lanham lençóis grudados em suores
De flores em jarros plenos de amores
Imantados febris do mesmo tesão.

Nus, espalhados na cama da paixão
Em regalos de ventres a nutrir pétalas
Gozosas das águas que tu cinzelas
Abarcadas seivas em justaposição.

E singro teu corpo por cachoeiras
A lavar-te em banhos de mel e beijos
Marcando tua pele com ais de vigores.

E nos sais das fontes e das roseiras
Repouso-te jardineiro dos desejos,
Extasiado em pétalas de amores.

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Tua Voz


TUA VOZ

Tua voz recobre minha pele
Com veludos mornos,
Embalam meus sonhos,
Tingem minha alma
De cores vibrantes.

Em tons de regalos macios
Acariciam meus ouvidos,
Sonorizam eternos ecos
Que reconheço entre mil.

E desde então
Tua voz calou em mim.
Fazendo-me dela um estopim
Frase a frase, bater
Palavra a palavra, incendiar.

E pela primeira vez
Parece que não consigo
Expressar-me.
Tenho teu riso maroto
Preso na garganta
E os meus ouvidos atentos
Sobre teus lábios
E meu coração pulsando pelos ares...

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Acalentos




ACALENTOS

Sonhas-te Poeta !
Deixe que o delírio
Assuma as linhas do equilíbrio
Nas curvas das palavras incompletas.

Sonhas-te Homem !
Redesenhe o hábito
Na fé de teus mitos
Com punhos de passagens.

Sonhas-te meu Redentor!
Metade da minha sorte
Eu lancei, fiz-me forte,
No espelho do teu valor.

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Em Tua Boca


EM TUA BOCA

Em tua boca
Minha estupidez beija.
Revela-se.

Funde a céu aberto
Tentativas de enlouquecer
A distração da minha saliva
Que numa gota esquecida
Deslizou todo meu amor
Prá debaixo do teu queixo.
Desleixo ?

Sou tua e em ti me deixo
Massageando
Teu pomo de adão
Num sobe e desce
Subordinado
Aos desmandos do teu coração.

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Charles Chaplin




Bom mesmo é ir a luta com determinação,
abraçar a vida e viver com paixão,
perder com classe e viver com ousadia,
pois o triunfo pertence a quem se atreve,
e a vida é muito bela para ser insignificante.

Charles Chaplin
Direitos Autorais Reservados ®

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Ano Novo


ANO NOVO

*
Um ano se finda,
outro já começa.
É uma nova peça
repetindo a vinda!

*
Vem Ano Novo, vem,
esbanje alegrias, belezas.
Retire mágoas, tristezas
e toda maldade também.

*
A nova esperança
chegou pontualmente
reluzindo em toda gente
sonhos de mudanças.

*