Marcadores

Seguidores

sábado, 8 de setembro de 2012

Sol das Manhãs


Obra de Lauri Blank


SOL DAS MANHÃS

Macio como um xale de arminhos
Desliza sobre a pele teus beijos
Na manhã morna dos teus carinhos
Aos sois que nos acalentam desejos.

No vazio do meu colo aquecido
Liberas-me o perfume da saudade
No quanto pude te amar (in)contido
Em meus braços de amorosidades.

Ainda me lembro ao sol das manhãs
Florescendo em teu peito ternuras,
Misturados ao perfume de hortelã

Ardendo nossas mãos de procuras,
Suaves, ternas, pequenas guardiãs
Das pontes ensolaradas de venturas!

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

26 comentários:

  1. Olá Vilma,
    Passando para desejar uma ótima noite de sábado e um excelente domingo; além de que, como sempre, me deslumbrando. És uma inspirada, escreves divinamente!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Vilma teu poema vem das fibras de tua alma,lindo beijos Luconi

    ResponderExcluir
  3. Wind trägt unsere Gedanken fort, in Wolken gehüllt umrunden sie die Welt...

    Lieben Gruß und Carpe Diem
    CL

    ResponderExcluir
  4. Precioso el poema, un beso Vilma, buen día

    ResponderExcluir
  5. Cada verso é bonito ... Mais inspiração.

    ResponderExcluir
  6. S*I*L*E*N*C*I*O ! ! !
    As palavras exigem,pois teu poetar é divino sempre...
    Aproveito para deixar beijos de dia de domingo,rsrsrsrs,e tbm para todos os dias da semana...
    saudadessssssssss

    ResponderExcluir
  7. Lindo demais querida amiga...

    Suas palavras passeiam pela alma e se alojam no coraçao...

    ResponderExcluir
  8. Estava com saudades de te ler amiga e aqui estou...adorei bjos e boa semana!

    ResponderExcluir
  9. Boa noite querida amiga Vilma. A vida é mesmo assim, todos nós passamos por esses momentos que marcam para sempre nossas vidas. Bolinha é realmente um grande amigo, uma continuação da minha doce Mayara. Um grande beijo.

    ResponderExcluir
  10. Boa noite amiga
    Agradeço sua visita em meu site e pedir que apanhe um selo que fiz em agradecimento por ter o meu site alcançado aos 1000 comentários e com certeza você está entre esses 1000

    Grato.
    Abraços,
    RioSul

    ResponderExcluir
  11. Eu estou a ler um poema Harmonioso, agradavel, esbelto e Formoso. Ou é a autora, que possue, todas esas qualidades ?
    Força, Sorte e contentamento

    ResponderExcluir
  12. belo o seu texto vilma... o sol das manhas de setembro... no sol muitas coisas se revelam... e nós estamos nela... abraços parabens lamarque

    ResponderExcluir
  13. Vima você é uma diva das palavras! Beijos querida, boa semana e desculpe a demora em vir aqui.

    ResponderExcluir
  14. Intensamente lindo com otima construção nesta manhã plena de emoções à flor da pele.
    Abraços Vilma.
    Bela semana de paz e poesia.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  15. Me pareceu ser um poema de saudades¨¨ de belas manhãs de sol.
    "Ainda me lembro(? das manhãs ... *ternuras¨¨
    misturadas ao perfume de hortelã...
    Adoro essas rimas: 'procuras ¨¨venturas*¨TERNURAS;
    é gostoso de ler!

    Que tenhas um belo dia de quarta-feira e sempre* PAZZZ.

    ResponderExcluir
  16. Querida Vilma, não me agrada comentar poemas, mas o faço para deixar cá se gosto e por já ter vindo anteriormente e conhecer que por aqui tudo veste e respira poesia, volto para dizer que é lindo, sempre.
    Um belo dia poetisa!

    ResponderExcluir
  17. Belo soneto! Envolvente conteúdo poético em seu blog, abraço!

    ResponderExcluir
  18. Vilminha querida boa noite pra vc com as
    belas palavras desse poema divino
    Que o sol das manhãs seja sempre lindo
    e brilhe pra você
    Bjusss
    Rita!!!

    ResponderExcluir
  19. Boa NoiteAnjo Lindo.
    Hoje venho agradecer o carinho deixado no meu blog pelo meu aniversário.
    Agradeço a Deus por ter sua amizade e carinho muito tem me ajudado a romper
    muitos momentos difícil pelo qual tenho passado.
    A amizade é tudo nesses momentos conhecemos o carinho da amizade Sincera.
    Beijos no seu coração.
    Meu eterno agradecimento,Evanir..


    ResponderExcluir
  20. .


    Vilma,
    O que faria você se o amor
    da sua vida saísse de casa
    bem cedo, trabalhasse como
    um louco, amasse você como
    poucos, mas quisesse para si o
    melhor da festa?

    Saiba mais detalhes na minha
    postagem de hoje.

    Beijos,

    silvioafonso






    .

    ResponderExcluir
  21. Olá minha cara amiga,
    Você, como sempre, dando show com seus sonetos maravilhosos!
    Com satisfação lhe comunico que saiu a programação do 1º Prosas Poéticas; saiba em que dia será feita a sua apresentação.
    Um abraço e até mais!

    ResponderExcluir
  22. Olá Vilma! Elogiar seus poemas virou lugar-comum, mas não me cansarei jamais. Adoro essa construção (soneto) e lidar com rimas não é para os comuns mortais. Um abraço!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo carinho da sua leitura!
Deixe seu comentário, ele é muito importante!