Marcadores

Seguidores

sábado, 14 de maio de 2011

O Poeta e a Musa


O POETA E A MUSA

Nada mais, nada menos, que a pura essência
Do humano amor te ofertará a musa da poesia,
E mudará a sorte dos teus braços na evidência
Dos ecos vindos dos portais das rubras energias.

Descortinará do céu bela carruagem de fogo
Trazendo chamas em cavalgadas de desejos;
E na ponta da língua que lambe beijo e rogo
Os delírios incendiários de amor e ensejos.

O Olimpo de ti emprestará teu rosto de poeta
E te descobrirá num sorriso azul de grão mestre,
Nos mistérios da vida, sem precisar jogos de roleta,
Para encontrar respostas nos paraísos terrestres.

E quando menos se espera, tu, Ó Deus da Poesia,
Abraçará a musa, pois o destino chega agitando
A vida liberta para o canto fundindo dor e encanto.

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo carinho da sua leitura!
Deixe seu comentário, ele é muito importante!