Marcadores

Seguidores

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Teu Olhar


TEU OLHAR

Passam em teu olhar amores vividos:
A cor da juventude e a tarde, 
O dourado do sol amanhecido,
O verso só que na praia invade.

Passam em teu olhar sonhos redivivos:
O som mágico da voz em alarde,
Os ventos segregando-te motivos,
A centelha do amor que muito arde.

Passam nossos  mundos incertos,
Todos os mares, em ti, tão perto,
Todos os caminhos e desejos.

Inteiro e extenso tu encerras
Toda  poésis entre céus e terras,
E tu não passas, vens como beijos!


Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

6 comentários:

  1. Doce, terno, lírico...lindo demais...do jeitinho que gosto de ler...AMEI! abraços, ania..

    ResponderExcluir
  2. Belo soneto, amiga Vilma. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

    ResponderExcluir
  3. Romântico belo num soneto perfeito.
    Apalusos amiga.
    Bjs

    ResponderExcluir

Obrigada pelo carinho da sua leitura!
Deixe seu comentário, ele é muito importante!