Marcadores

Seguidores

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Para onde vou




PARA ONDE VOU

Para onde vou levo comigo
Jardins de azáleas e os roseirais
Que florescem manhãs no meu abrigo
Junto das folhagens dos coqueirais.

Levo também canários da terra,
Cantos de coleiros e seus ninhos,
O revoo da saíra que descerra
O entardecer no meu caminho.

Um buquê de flores branquinhas,
Cestos de frutos, maduros desejos,
E um pomar de amoras docinhas.

Levo o trovão do amor em beijos,
Relâmpagos de lágrimas sozinhas
E o ritmo da chuva em harpejos.


Para onde vou levo minhas dores
E alegrias, lembranças multicores!!


Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®