Marcadores

Seguidores

sábado, 26 de janeiro de 2013

Efervescências




EFERVESCÊNCIAS

Arrancar do peito a caligrafia
Da tua voz vibrante na minha
É sentir nosso amor-profecia
Em vivo êxtase a cada linha.

Irrompendo-nos de amor caloroso,
Boca a boca num beijo que se fizera
Efervescente, desejo de sal radioso
No meu íntimo sol de primavera.

À tona das cantantes águas puras
Grafando-nos no leito que inunda
Minhas curvas sob tua grave textura

Em profusão de gozos em correntezas
Inscritas na paixão que me aprofundas
Gritos na carne em teu corpo de proezas.


Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Meu Vermouth



MEU VERMOUTH

Por trás do teu sorriso silencioso
mora meu beijo vermelho
matizando-se de andanças saudosas
embriagando-me da tua boca 
a morder-me em néctares
 de desejos e lembranças...

Emoldurada na tua língua
deglutindo-te nessa vontade
de mergulhar no vermouth
da tua boca em torrentes de céus
saboreando-te em meus caminhos.

Ah...Meu licor de infinitos carinhos...
Sou tua cereja ! És meu coquetel !
Misturas-te ao meu apogeu
e traga teu corpo
 prá junto do sabor do meu...



Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

sábado, 19 de janeiro de 2013

Quantas Vezes....




QUANTAS VEZES...

Quantas vezes, amor, quantas vezes
Sinto-te num longo ardor em segredo
Descobrindo meus olhos de enredos
No teu corpo de amor em prazeres.

Ah! Quantas luas dormidas em chamas
Rastreando-te âmbar, baunilha e mel
Nas pousadas do medo de quem ama
Encastelada ao teu peito arranha-céus.

Quantas vezes, amor, já te esqueci,
Prá lembrar-te ainda mais louca
Com teu beijo na minha boca
A ensinar-me saudades de ti...


Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Entardecer




ENTARDECER

Empalidece o vermelho do céu
E o sol entardecido
Deixa vestígios dourados
Nas folhas dançarinas
Dos verdes coqueirais....

Ao longe, ouve-se o canto
Dos ventos outonais
Estendendo lânguidos sussurros
Sobre as ondas do mar...

E vem a brisa me lembrar
Que as ondas beijam a areia
E de saudades voltam pro mar,
Enquanto nos meus olhos
Duas ondas me descolorem
E teimam em me afogar....



Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®


segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Haicai- Nuvens


 http://hq-pictures.ru/pt/preview.php?hd=87274

NUVENS

Nuvens se espelham
nos prédios envidraçados
das metrópolis!

***
Nos arranha-céus 
Os espelhos das nuvens
são as vidraças!


Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

sábado, 12 de janeiro de 2013

Selo Literário 2013



O Selo Literário 2013 
foi criado pela blogueira
Érica Bosi

Amigos, com muita alegria recebo o Selo Literário 2013 
do nosso amigo José João.
Essa indicação muito me honra, pois incentivar a leitura
é um dos prazeres que tenho.
Ler é incrivelmente mágico, além de nos trazer conhecimentos,
ela nos diverte, nos leva em viagens e  nos faz bem.
Obrigada, amigo!!


REGRAS

1)  Citar o nome e o link de quem te indicou.
     
-  Quem me indicou foi o amigo José João do Blog:


2) Indicar 02 livros (no mínimo) que leu em 2012 e gostou.
   
 * Os Cem Melhores Poemas Brasileiros do Século
Seleção de Italo Moriconi
Editora Objetiva




*A Fonte e as Galinhas
Jair Lopes
Editora Ryoki Inoue Produções

Blog de haicais do amigo Jair Lopes
http://haikaidentro.blogspot.com.br




*Poeta Vencido
Edimo Ginot
Editora All Print 


3) Listar 03 livros que pretende ler em 2013

    
* Cinquenta Tons de Cinza
E.L.James

 * O Tigre na Sombra
Lya Luft

* Reler algum livro da minha estante.




4) Indicar 10 blogs para receber o selo e avisá-los:
     Abaixo segue os escolhidos

http://mineirinho-passaredo.blogspot.com.br/
http://ives-minhasideias.blogspot.com.br/
http://rodaryvolar-carmen.blogspot.com.br/
http://ternuraantiga.blogspot.com.br/
http://mayluescalada.blogspot.com.br/
http://derepentehaicai.blogspot.com.br/
http://cmfro.blogspot.com.br/
http://haikaidentro.blogspot.com.br
http://haicaienaomachuca.blogspot.com.br/
http://zilanicelia.blogspot.com.br/
http://marlifranco.blogspot.com.br/



Vilma Piva

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Amor Bonito


AMOR BONITO

Trago dentro de mim um amor bonito,
Um amor que não rima com tristeza,
Tão pouco se faz sombrio ou restrito
Pois compartilha da paixão e beleza.

É simples esse amor dentro do peito
Que faz pulsar o coração com alegria.
É todo cuidado, zelo da mesa ao leito,
É felicidade, encantamento, poesia.

Algumas dores de amor eu sei de cor
Mas resolvi ser feliz e viver encantada,
Ter esperança que um dia virá ser mor
O sentimento de quem é apaixonada!

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

domingo, 6 de janeiro de 2013

E-book 1° Concurso de Haicais do Blog Poetas de Marte


Queridos Amigos,

Haicais Abduzidos é o resultado do 1º CONCURSO DE HAICAIS DO BLOG POETAS DE MARTE
(http://poetasdemarte.blogspot.com.br/). 
Organizado por Cristiano Marcell, o concurso procurou divulgação do haicai e dos autores em duas categorias (clássico e ocidental). Os primeiros colocados de cada categoria foram: Arnoldo Pimentel (clássico) e Vilma Piva (ocidental). Também participam da premiação: Alvaro Posselt, Bento Sales, Elisa Campos, Gustavo Hanoch, Ineifran Varão, Leandro Raimundini, Luna Di Primo, Marli Franco, Rafaela Figueiredo, Se-Gyn, Tuca Zamagna e Valmir Jordão.



Convido todos, queridos amigos e seguidores, que conheçam os maravilhosos e poéticos haicais, pois muito me orgulhei de estar entre tantos poetas talentosos!!

Já se encontra no Blog Castanha Mecânica
http://castanha mecanica.wordpress.com






Vilma Piva


sábado, 5 de janeiro de 2013

Amo



AMO

Amo teu coração de amor e tuas mãos de trigais
Que semeiam estações no estirar dos teus braços
Espreguiçando sois sobre as águas dos remansos
E por sobre meus olhos após chuvas e vendavais.

Amo tua língua móvel passeando nos meus lábios
E a doce embriagues com que decalcas minha boca
Na madureza do teu peito, descobrindo-me louca
No calor da paixão boca a boca em nossos cios.

Amo teu olhar atento às minhas profundezas
E o eco dos teus passos nos meus labirintos.
O perfilar das pegadas de amor nos recintos
Deixando marcas e sentidos da tua nobreza.

Amo o amor que te tenho porque nele tu és
O desatar da espera e o abrangente motivo
Com que me levas ao pulso do tempo lenitivo
Da saudade caminheira presa aos nossos pés.


Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Vitor Hugo



"Sede como os pássaros que
ao pousarem um instante
sobre ramos muito leves
sentem-os ceder, mas cantam!
Eles sabem que possuem asas!"

Vitor Hugo 
Direitos Autorais Reservados ®