Marcadores

Seguidores

sábado, 3 de setembro de 2011

Rosas Do Teu Amor



ROSAS DO TEU AMOR

Tu vens signo florescido de amor
Nas pétalas dos perfumes e sorrisos
Ajardinar meu corpo de paraísos
E no orvalho da noite sou tua flor.

Tu vens no vagão da primavera
Precipitar-me abismos de rosas
Por entre tuas pernas ardorosas
Trilhar minha pele de quimera.

E o seio da noite em teus braços
Geme em minha boca sensitiva
Essa tua rubra cor que patativa

Tinge as carícias dos meus abraços
No corpo da tua paixão locomotiva
E embarcas-me em ti sempre-viva!

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

2 comentários:

  1. Bom Dia, Vilma!
    Maravilhoso teu Soneto...Adorei as metáforas...
    E as analogias à locomotiva.
    Abraço carinhoso,
    Sapatinhos da Dorothy

    ResponderExcluir
  2. Adorei a visita e ainda mais visitar você! Seu blog tá lindo, suas poesias são brilhantes. Escolhi comentar Rosas do Teu Amor pela delicadeza, beleza e sensualidade de seus versos! Parabéns!! Bjus Sol

    ResponderExcluir

Obrigada pelo carinho da sua leitura!
Deixe seu comentário, ele é muito importante!