Marcadores

Seguidores

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Prelúdios do Coração



PRELÚDIOS DO CORAÇÃO

Ah... quanta música despe das minhas mãos
Imaginando-te num talvez bem próximo
Nessa úmida ilusão de promessas
Adolescidas no brilho dos olhos meus.

Ternamente embriagada de teus encantos,
De alma lavada no espanto dos rubores
Sem que se possa medir tamanha emoção
Quando espreito as portas do teu coração.

Frente aos meus prelúdios de ansiedades
Que solfejam na cor dourada do teu sol
Para o levante do eclipsar da lua sem dó
Enquanto aprendo esse amor de uma nota só.

Vilma Piva
Direitos Autorais Reservados ®

4 comentários:

  1. Olá, Vilma...
    Todo poema que fala do coração, de início já é belo...e teus versos falam dos mais profundos sentimentos de uma amor verdadeiro e intenso...
    Um bela semana para você.
    Sapatinhos da Dorothy

    ResponderExcluir
  2. Vim agradecer por me seguir.
    Só ando a noite.
    E se por acaso me perder.
    E só acender a luz.
    Pois no escuro.
    Todos os gatos sáo pardos.
    Tenha uma boa semana com bastante luz no seu caminhar.
    JC.

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pela tua visita Vilma,amei seu cantinho e voltarei,bjos!

    ResponderExcluir
  4. Levei um fora essa noite!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo carinho da sua leitura!
Deixe seu comentário, ele é muito importante!